cheguei a um link bem interessante através de um tweet do kent beck. o post fala sobre como  e por que aprender a ler o código de outras pessoas.

ele dá diversas dicas de como começar e o que fazer quando nos deparamos com código de outras pessoas que talvez nem estejam mais na empresa e precisamos adicionar uma funcionalidade ou corrigir um bug.

mas, um dos pontos que me chamou a atenção é quando ele fala sobre não odiarmos o código. ele traz atenção uma falha comum entre nós desenvolvedores, que é acharmos que o nosso código é melhor ou poderia ser melhor que o dele.

“You can get sucked into hating the code, merely because it is not yours. Software people tend to be equipped with ample egos, and other people’s code can offend. But realize, their working code is better than your imagined code, because their working code exists right now. So put your ego aside and learn the code in front of you”design by gravity (o grifo é dele)

depois ele faz um alerta que pode nos ajudar também ao fazermos reviews em códigos de outros:

“the folks who built it the first time had a model for it, and it made sense to them. Respect them enough to look for that model. I will concede some peoples’ minds work in strange ways.”design by gravity (o grifo é dele)

e mesmo que já tenhamos o nosso ego sob controle, vale a pena ler para ver as outras dicas.

[]s

 
follow me